O atendimento ao público externo ocorrerá somente com agendamento prévio e com uso de máscara de proteção respiratória, adentrando na sede apenas uma (01) pessoa por vez. Para entrar em contato com o CREFITO-17 use um dos contatos disponíveis de acordo com a sua solicitação de serviço. Segunda à Sexta de 8:30 às 17:30
Acessibilidade
Acessibilidade

Memória

O Crefito 17 nasceu de uma luta das categorias que já durava mais de 10 anos. Acontece que, seu desmembramento só foi possível mediante a construção da fisioterapia e da terapia ocupacional em Sergipe. Por isso, é importante relembrar esses marcos históricos… 

O primeiro curso de Fisioterapia de Sergipe nasceu em 1995, através da Universidade Tiradentes. Nele, estavam inseridos profissionais que já faziam o atendimento no serviço de reabilitação Ninota Garcia. Deste então, a fisioterapia passou a ter sua inserção mais fortemente no  mercado, onde o foco do exercício profissional vai além da reabilitação, perpassando por serviços  como perícias judiciais, gestão em saúde, Núcleo de apoio à saúde da Família (NASF), centros de esportes, dentre outros. Neste cenário, o nascimento do curso de fisioterapia da Universidade  Federal de Sergipe em 2007 foi um importante marco de interação entre o ensino, a pesquisa e a  comunidade sergipana, a qual recebeu maior quantidade de serviços prestados, tendo esse  benefício ainda mais ampliado após a interiorização da faculdade, em 2011, quando nasceu o curso  de Fisioterapia na cidade de Lagarto.  A Terapia Ocupacional em Sergipe adveio a partir da vinda de profissionais formados  primariamente na Bahia e em Pernambuco, com uma visão mais voltada à reabilitação, inseridos nos  serviços públicos e privados no estado desde 1983. Entretanto, cabe ressaltar aqui que, mediante o maior reconhecimento das diversas áreas do profissional Terapeuta Ocupacional, sua ampliação no mercado de trabalho em Sergipe foi salutar para a profissão, deixando-se de lado o panorama exclusivo da reabilitação, para ser inserido nos serviços de hospitais, centros de atenção psicossocial,  penitenciárias, atendimento à criança com autismo, saúde do idoso, inclusão do Terapeuta Ocupacional no Instituo Nacional de Seguridade Social (INSS), dentre outros. Assim como a fisioterapia, foi de enorme contribuição para o seu fortalecimento a chegada do curso de Terapia Ocupacional no interior do estado, em 2011. Mas o sonho de se ter um Conselho Regional em Sergipe não ocorreu concomitante a esses marcos. Na verdade, ele foi fortalecido na medida em que mais e mais profissionais se somavam no estado, quando se percebe a necessidade do fortalecimento da profissão perante a sociedade. 

Então, em 2017, foi solicitado ao Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (COFFITO) que nosso pleito fosse atendido e, por meio da resolução nº 484, de 13 de julho de 2017, o COFFITO promoveu o desmembramento, mediante a avaliação da viabilidade da propositura desta ação. Assim, em 25 de agosto de 2017 o Conselho Federal instaurou o processo eleitoral deste regional, tendo sido realizada a efetiva eleição no mês de julho de 2018. Com isso, tomou posse em 13 de outubro de 2018 a primeira gestão do Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional da  17ª Região – CREFITO 17 – com quadriênio de 2018 a 2022 para sua gestão. 

O que você está buscando?